Especulação com Edifício da Fábrica Melka no Cacém

A CDU de Sintra denunciou, em nota de imprensa, mais uma negociata imobiliária no Concelho, desta vez a colocação do antigo edíficio da fábrica Melka em hasta pública, pela sociedade Cacém Polis.

Cacém Polis realiza especulação imobiliária na Ex-Fábrica da Melka

A CDU-Sintra vem manifestar a sua indignação pelo facto da Sociedade Cacém Polis ter colocado à venda em hasta pública, para o próximo dia 15 de Outubro, o edifício da antiga fábrica da MELKA.

Para a CDU-Sintra, a aquisição do edifício em causa pela Sociedade Cacém Polis, que relembramos se encontrava no inicio do projecto fora do perímetro de intervenção do Cacém Polis, só faria sentido se aquele espaço fosse requalificado e ali implementado um equipamento público para a práctica desportiva, cultural ou de lazer, colmatando assim a insuficiência de equipamentos deste tipo na cidade de Agualva-Cacém, tão sentida pelas populações.

A CDU não pode deixar de manifestar a sua indignação perante o facto da Sociedade Cacém Polis ter decidido colocar os interesses imobiliários à frente dos legítimos interesses da população da cidade de Agualva-Cacém. De acordo com os factos hoje presentes, não podemos ainda deixar de considerar que a aquisição do edificio em causa apenas visou libertar a multinacional MELKA do trabalho de vender a sua fábrica depois de ter decidido deslocalizar a sua produção para outros países.

Assim, a CDU vem exigir a suspensão imediata do processo de venda das antigas instalações da MELKA e a realização de uma ampla discussão com os eleitos locais e a população sobre o destino a dar a este equipamento. 

Em próxima reunião de Câmara o Vereador da CDU irá levantar esta questão, assim como os eleitos da CDU na Assembleia Municipal e nas Assembleias de Freguesia da Cidade de Agualva-Cacém.

Sintra, 20 de Setembro de 2007

PARTILHAR