PCP, solidário com a luta dos trabalhadores,denúncia ilegalidade do Patronato da Grande Distribuição

O PCP denunciou na Assembleia da República as ilegalidades que o patronato está a cometer face à greve marcada para o próximo dia 24 de Dezembro. E exigiu do Governo que actue no sentide de prevenir e punir estes crimes.

Ler Requerimento em  PDF


Este comportamento do patronato insere-se na tentativa de reprimir a justa luta dos trabalhadores do sector, que assim resistem à tentativa de incrementar brutalmente a exploração no sector. Uma luta de que pode conhecer as razões aqui.

PARTILHAR